PSP detém 56 pessoas na operação “Festas Seguras”

psp A Polícia de Segurança Pública (PSP) deteve 56 pessoas nos Açores, no âmbito da operação “Festas Seguras 2016”, que ocorreu entre 15 de Dezembro e 2 de Janeiro.
A maioria das detenções (18) deveram-se a condução sob o efeito de álcool, seguindo-se, entre outras, 12 detenções por  condução sem habilitação legal, nove detidos em cumprimento de mandado de detenção, três por desobediência, duas detenções por agressão a agente de autoridade, uma por furto e outra por posse de arma ilegal.
Segundo o comunicado divulgado pela PSP, no âmbito da operação foram realizadas um total de 146 operações e fiscalizações, nomeadamente a vigilantes de segurança privada em estabelecimentos de dança e recintos desportivos, bem como de âmbito rodoviário, entre outras.
Durante o período de 15 de Dezembro e 2 de Janeiro, a PSP fiscalizou ainda 2508 veículos e detectou 382 infracções. A maioria delas por condulção sob efeito de álcool, por excesso de velocidade, por falta de seguro, por falta de inspecção periódica obrigatória e por cndução sem fazer uso do cinto de segurança.
Foram ainda apreendidas 11 doses de produto estupefaciente (1 dose de haxixe e 10 de liamba) e identificados nove indivíduos por consumo de estupefacientes, o que originou a elaboração dos correspondentes autos de notícia por contraordenação e a notificação para comparecerem na Comissão para a Dissuasão da Toxicodependência.
A PSP procedeu também à apreensão de cinco viaturas, oito armas de fogo e uma arma branca e registou 13 infracções ao funcionamento de estabelecimentos, nomeadamente por falta de licença de utilização e venda de tabaco a menores de 16 anos de idade.
No âmbito da operação “Festas Seguras 2016”, a polícia deu ainda resposta a 36 pedidos de vigilância a residências.

Cinco anos de prisão para homem que praticou tráfico de droga

Já no dia 3 de Janeiro, a PSP da Esquadra de Santa Cruz das Flores deu cumprimento a um mandado de detenção emanado pela Autoridade Judiciária, tendo detido um homem de 42 anos de idade para cumprir cinco anos de prisão efectiva, pelo crime de tráfico de estupefacientes, cometido durante o ano de 2012.
Quanto à sinistralidade rodoviária, no mesmo dia a PSP registou a ocorrência de 11 acidentes de viação, que resultaram apenas em danos materiais.