Vai haver reduções de salários na SATA

sata air açores

O Plano de Reestruturação da SATA contém três condições restritivas para durar dois anos: redução em 20% dos salários acima dos 1.390 euros, suspensão de aumentos salariais e de suplementos respectivos e propõe ainda um plano de rescisões amigáveis e negociáveis.

A notícia foi avançada ontem pela Antena 1-Açores, na sequência da audição que o Conselho de Administração está a fazer aos sindicatos da empresa, apresentando as linhas gerais da reestruturação.

A massa salarial das duas empresas, SATA Air Açores e SATA Internacional, é a maior componente dos custos operacionais, fixando-se em mais de 70 milhões de euros anuais para os cerca de 1.400 trabalhadores do grupo.

Recorde-se que as duas transportadoras da SATA fecharam o terceiro trimestre de 2020 com prejuízos de 61 milhões de euros, valor superior aos 38,6 milhões negativos do período homólogo de 2019.

O Plano de Reestruturação do grupo vai ser agora apresentado à Comissão Europeia para aprovação, única condição para poder recorrer ao endividamento para iniciar a sua reestruturação.